AÇÕES 2017

05/12/2017
MS - PMA autua arrendatário de fazenda em R$ 24 mil por atividades que causaram turbidez na água do rio formoso interditando empreendimentos turístico

Campo Grande (MS) – Desde o dia 1º de dezembro, Policiais Militares Ambientais de Bonito procuravam o problema ambiental que causara turbidez às águas do rio Formoso em Bonito. Todas as propriedades rurais a montante de onde a água do rio, que é sempre cristalina, apresentava-se turva, com cor avermelhada, causando, inclusive, a interdição de empreendimentos turísticos, pois a água ficou imprópria para banho e passeios.

Ontem (4), em uma fazenda, localizada à margem da rodovia MS 382, foi localizado o problema. O arrendatário da propriedade (61) realizou o preparo inadequado do solo para agricultura e houve sedimentação para um açude e, de um canal a jusante, escorria sedimento por um dreno, que tornava a água lamacenta e desaguava no córrego Taquara que é afluente do rio Formoso.

As atividades foram paralisadas e o infrator, residente em Bonito, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 24.140,00.