AÇÕES 2017

01/11/2019
MS - Polícia Militar Ambiental de Batayporã prende e autua em R$ 3,3 mil dois pescadores profissionais pescando com redes de pesca e espinhel e apreen

Policiais Militares Ambientais de Batayporã, que trabalham na operação Dia de Finados, realizavam fiscalização fluvial no município de Ivinhema hoje (1) no rio Vitória, afluente do rio Ivinhema e prenderam dois pescadores profissionais por pesca predatória.

Os infratores foram surpreendidos quando estavam em uma embarcação pescando com redes de pesca e espinhel (petrechos proibidos). 14 kg de pescado que estavam na embarcação capturados pelos pescadores foram apreendidos, juntamente com o barco e o motor de popa, bem como quatro redes de pesca e um espinhel com 30 anzóis, utilizados na pescaria ilegal.

Os pescadores profissionais, um de 50 e 65 anos, residentes respectivamente em Ivinhema e Nova Andradina, receberam voz de prisão e foram conduzidos, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Ivinhema, onde eles foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória. A pena para este crime é de um a três anos de prisão. Cada pescador também foi multado administrativamente em R$ 1.640,00. O pescado será doado para instituições filantrópicas.

Prisões deste tipo são fundamentais para a prevenção à depredação de cardumes, pois se esses elementos tivessem mais tempo e encontrassem um cardume, com certeza, conseguiriam dizimá-lo rapidamente com essa quantidade de redes e o espinhel, petrechos que tem alto poder de captura.