AÇÕES 2017

23/10/2019
MS - Polícia Militar Ambiental de Batayporã autua três pescadores em R$ 3 mil por pesca ilegal e apreende pescado, barco e motor de popa e petrechos p

Policiais Militares Ambientais de Batayporã realizavam fiscalização no rio Ivinhema, no Município de Nova Andradina, durante a operação Pré-piracema e autuaram três pescadores por pesca ilegal ontem (22). O proprietário de um rancho (52), residente em Avanhandava (SP), foi preso com pescado fora da medida permitida. Ele havia capturado cinco exemplares de jurupensém, um de pintado e um exemplar de piavuçu, pesando 9 kg ao todo, que foram encontrados em seu freezer. O pescado foi apreendido.

O infrator recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina, onde foi autuado em flagrante e responderá por crime ambiental de pesca predatória. A pena é de um a três anos de prisão. O pescador também foi autuado administrativamente e multado em R$ 860,00. O pescado será doado para instituições filantrópicas.

Outra equipe autuou no rio Ivinhema dois pescadores profissionais. Eles foram abordados em embarcação e realizavam pesca em conjunto com dois pescadores amadores o que é proibido por lei. Os profissionais, de 42 e 45 anos, moradores em Nova Andradina, foram multados administrativamente em R$ 1.106,00 e 1.182,00 respectivamente. Com eles foram apreendidos três exemplares de pescado da espécie pintado e um exemplar de barbado, pesando 15 kg, 14 anzóis de galho (petrechos proibidos), um barco e um motor de popa. O pescado será doado para instituições filantrópicas.

Durante os trabalhos, as equipes ainda apreenderam no rio Ivinhema 41 anzóis de galho e uma rede de pesca que estavam armados no rio. Os proprietários dos petrechos ilegais não foram localizados.