AÇÕES 2017

05/05/2018
MS - PMA prende dois turistas paulistas e os autua em R$ 3 mil transporte de 26 kg pescado capturado ilegalmente.

Campo Grande (MS) – Durante fiscalização de barreira na rodovia MS 315, no entroncamento com a MS 316, uma Equipe da Polícia Militar Ambiental de Costa Rica prendeu dois pescadores por pesca e transporte de produto da pesca predatória. A PMA abordou um veículo Toyota Hilux hoje (5) pela manhã e foram encontrados em uma bolsa térmica, 26 kg de pescado das espécies pacu, piraputanga, cachara e barbado, que os infratores tinham capturado, havendo espécime abaixo da medida permitida pela legislação.
Os pescadores, residentes em Rio das Pedras (SP) afirmaram que tinham pescado na cidade de Rio Branco em (MT), porém, não possuíam comprovação de origem do pescado. Além disso, a cota de pescado naquele Estado é de 5 kg e mais um exemplar, estando acima da cota (crime ambiental) e também a medida permitida para a espécie cachara é a mesma de MS, 80 centímetros e havia um exemplar de cachara com 76 centímetros. O veículo e o pescado foram apreendidos.
Os infratores foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Costa Rica e responderão por crime ambiental de pesca e transporte de produto da pesca predatória. A pena prevista é de um a três anos de detenção.
Cada infrator foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 1.520,00. O pescado será doado para instituições filantrópicas.